Ginecomastia

A ginecomastia é o crescimento das mamas nos homens. Pode envolver o crescimento do parênquima mamário (glândula mamária e estroma), do tecido adiposo (gordura mamária) ou de ambos.

O que causa o crescimento das mamas?

Existem diversas causas para esta alteração, como obesidade, crescimento anormal relacionado à puberdade, uso de hormônios (esteróides), uso de algumas medicações, uso de canabis, tumores de testículo e tumores de mama. Antes de qualquer conduta, é necessário investigação da causa do problema para tratamento adequado.

Existe ginecomastia de um lado só?

Sim, na maioria dos casos o aumento das mamas se dá bilateralmente, mas pode ocorrer de um lado só. É importante a realização de exames para verificar a causa dessa alteração antes de propor uma cirurgia. 

As mamas podem regredir sem tratamento?

Sim, existem fases da vida em que a ginecomastia é fisiológica, como no caso do recém-nascido (em decorrência do hormônio materno), na puberdade (por aumento de hormônios endógenos) e nos idosos. Nesses casos o aumento pode ser transitório e pode regredir espontaneamente.   

Quando é indicado cirurgia?

Nos casos em que o aumento das mamas é persistente por mais de 18 meses, pacientes sintomáticos, aqueles que têm risco de câncer e ex-obesos que perderam grande peso corporal.

Qual o tratamento cirúrgico?

O tratamento cirúrgico envolve a remoção do excesso de parênquima mamário por via aberta, com cicatriz resultante na região periareolar ou cicatrizes maiores em casos mais avançados, onde pode ser associado a retirada de pele da região. Quando há excesso de gordura causando a ginecomastia, é indicada a lipoaspiração como forma de tratamento cirúrgico.

Qual a anestesia?

A anestesia para esta cirurgia normalmente é geral, local com sedação ou a peridural com sedação, variando de paciente para paciente.

Preciso usar dreno?

Em casos selecionados, principalmente os que vão realizar lipoaspiração, pode precisar de uso de dreno de sucção por alguns dias.

Quais os cuidados pós operatórios?

É necessário uso de colete de malha elástica por 2 meses no pós-operatório. Se houver lipoaspiração, também se indica drenagem linfática no pós-operatório. Recomenda-se afastamento de atividades de trabalho por 2 semanas e repouso para exercícios físicos por 2 meses.

Quando o resultado final pode ser percebido?

O resultado pode começar a ser visto com 2 meses de pós-operatório, mas o aspecto definitivo se dá após 18 meses.

Convênios

Consultório

Iguatemi Business
Av. Gisele Constantino, 1850
Sala 710 - Sorocaba - SP
(15) 3413-6669
(15) 9 9657-8148

Ver no mapa

Fale conosco pelo telefone
Fale conosco por WhatsApp