Cirurgia das pálpebras

Como elemento chave da expressão facial, os olhos transmitem emoções, vitalidade e idade. Ao longo do tempo passam por mudanças que podem fazer a pessoa parecer triste ou cansada. A cirurgia plástica das pálpebras, ou Blefaroplastia, restaura o delineamento natural dos olhos, suavizando e rejuvenescendo do olhar. Ela pode ser feita na pálpebra superior e/ou inferior.

Há várias técnicas especializadas para corrigir as pálpebras, incluindo a remoção de pele em excesso, retirada ou reposicionamento das bolsas de gordura e a correção da prega palpebral superior. A fim de manter a forma natural das pálpebras, em alguns casos é realizada a Cantopexia ou Cantoplastia, dando firmeza aos tecidos.

Onde se localizam as cicatrizes?

Como a pele das pálpebras são finas, as cicatrizes tendem a ficar bem finas e disfarçadas nos sulcos da pele. Na pálpebra superior ela se mantém escondida no sulco palpebral e na inferior logo abaixo da linha dos cílios. Como toda cirurgia, há necessidade de aguardar o período de amadurecimento da cicatriz, que varia em torno de 3 meses.

Qual a anestesia?

A anestesia de escolha é local, podendo ser associada à sedação. Pode ser feita com anestesia geral se realizada junto a outras cirurgias. Geralmente, o paciente tem alta do hospital no mesmo dia.

Como é a recuperação?

São recomendados de 7 a 10 dias de repouso após a cirurgia, protegendo os olhos de luz excessiva, poeira e calor direto (fogão, sol, banho de água quente). A leitura e a rotina de trabalho podem ser retomadas depois desse período. Lentes de contato só devem ser usadas após 2 semanas, de acordo com a reavaliação médica.

Os olhos ficam tampados no pós-operatório? 

Não, apenas recomendamos a aplicação de compressas frias sobre os olhos que podem ser removidas conforme o paciente desejar. Isto diminui a intensidade do inchaço pós-operatório e roxos.

Existem complicações?

Entre as complicações estão: equimoses (roxos), inchaço, sensação de aperto na área da pálpebra, secura e coceira nos olhos (mais raras). Todos os sintomas desaparecem com o passar dos meses.

A blefaroplastia também trata os pés de galinha?

Não, a blefaroplastia não interferirá com a função da musculatura ao redor dos olhos, logo, ela não irá corrigir os pés de galinha que são dobras na pele pela contração do músculo orbicular. A toxina botulínica pode ser utilizada para correção dessas rugas.

Posso usar maquiagem após o procedimento?

O uso da maquiagem pode ser reiniciado após a 1ª semana.


Convênios

Consultório

Iguatemi Business
Av. Gisele Constantino, 1850
Sala 710 - Sorocaba - SP
(15) 3413-6669
(15) 9 9657-8148

Ver no mapa

Fale conosco pelo telefone
Fale conosco por WhatsApp